quarta-feira, 9 de junho de 2010

Um blend (legal) de automóveis e whisky

Não estranhe o título deste post - o AdverDriving jamais incentivaria o consumo irresponsável de bebidas alcoólicas, muito menos o ato de dirigir sob a influência.

É que o nosso assunto de hoje é o Celtic Malts, um trial para automóveis antigos que percorre as mais tradicionais áreas produtoras do destilado na Irlanda do Norte e na Escócia e reúne participantes do Reino Unido e de outras partes da Europa.

Mas o que é um trial? Numa definição sucinta, é uma modalidade de rali tipicamente britânica, com muitos trechos cronometrados e uma fórmula de atribuição de penalidades mais complicada que levantar capota de conversível inglês em dia de chuva.

Há três pré-requisitos para se participar de um trial como o Celtic Malts: uma saúde de ferro para enfrentar os elementos nem sempre amigáveis da parte mais setentrional das ilhas britânicas, tempo livre de sobra, e um alentado portfólio de investimentos. Não por acaso, a maioria dos participantes é já bem entrada na casa dos cinquenta.



A organização do Celtic Malts está a cargo da HERO - Historic Endurance Rallying Organisation (a mesma por trás do rali Inca Trail, tema de um post anterior neste blog), e a largada é dada simultaneamente na Irlanda e na Escócia. Nos Highlands escoceses, os dois contingentes se encontram e seguem juntos até a chegada, com desvios estratégicos que levam a destilarias centenárias como Glenlivet, Glenfiddich, Aberlour e outras igualmente conhecidas pelos apreciadores do usque beatha.

Ao longo do percurso, os participantes contam com o apoio de vans com equipamentos de teste e ferramentas de toda espécie, com pelo menos um mecânico em sua tripulação. Considerando que alguns dos veículos inscritos  têm mais de 80 anos, esse tipo de apoio é fundamental.


E não pense que, só porque os carros são antigos, a competição é um piquenique. Ao contrário, o pessoal "baixa a bota" de verdade no asfalto e na terra, e até mesmo na travessia a vau de córregos e leitos de rio.


Eu acompanhei a passagem do mais recente Celtic Malts (2008) por Inverness, na Escócia, e também uma parada intermediária no dia seguinte no castelo de Sandston (hoje transformado em hotel), na região de Speyside, não longe de Aberdeen. É claro que eu adoraria participar de uma prova como essa, mas só a oportunidade de ver esses carros em ação já foi uma experiência fantástica. Confira nas fotos:







Imagens: arquivo pessoal do autor (exceto Lancia Lambda atravessando o córrego, originalmente publicada no site da HERO - Historic Endurance Rallying Organisation.)

Nenhum comentário: