quinta-feira, 27 de maio de 2010

Receita de carro híbrido


Esse autêntico sarapatel sobre rodas é fruto da imaginação do francês Michel Karanda. Segundo ele, o preparo da iguaria requer "um designer sob influência lisérgica, um funileiro competente mas totalmente sem caráter, um desmanche multicultural, e uma boa dose de mau gosto".

Mesclando notas de sabor de dezenove automóveis diferentes, o Bitza Golden Crown de Ville se insere na mais pura tradição francesa do humor non-sens, na linha direta de Eugène Ionesco e Jacques Tati. É um concentrado de bizarrice pra ninguém botar defeito. Bon appétit!

PS - O nome "Bitza" vem do inglês bits of ( = pedacinhos de).

Nenhum comentário: